Eufaula , uma pequena cidade no interior do Alabama, uma população de um pouco mais de 13 mil habitantes. Como em todas as cidades pequenas as fofocas sobre todos correm soltas em Eufaula, existe um rol de mal- falados na cidade que vivem sobre intrigas dos vizinhos que desaprovam cada atitude destes. Em um lugar onde todos se conhecem não se é permitido cometer grandes deslizes, afinal ninguém gosta de estar na boca do povo, correto?
Lexie
Admin
Perfil [#] MP
Julliet
Narrador
Perfil [#] MP
o fórum está oficialmente aberto!Divirtam-se, podem começar suas postagens e aguardem as surpresas que Eufaula trará para seus cidadãos.
Sweet Home Alabam by Jullietkingsley on Grooveshark
:: Topsites Zonkos - [Zks] :: Golden AfternoonRPG Jogos Vorazes
Para parcerias contate a staff e adicione nosso bottom ao seu fórum.
Código:
<a href="http://sweethomealabama.forumeiros.com/" target="_blank" alt="Sweet Home Alabama"><img src="http://i.imgur.com/GuIwh9a.gif" /></a>
A skin é propiedade de Sweet Dandelion, que o disponibilizou para o fórum. Tramas e cannons criados por Lexiel Lidel e Julliet Mitchel. Todos os direitos reservados. O Plágio é crime previsto no Código Penal Brasileiro e sujeito a prisão ou multa.

Do I wanna know?

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Do I wanna know?

Mensagem por Heather Clarkson em Sab Out 12, 2013 5:05 pm

Dados da RP
Participantes: Heather Clarkson e Samuel Clarkson
Clima:Sol e pancadas de chuva, temperatura por volta do 16°
Dia: 19 de Fevereiro de 2013, hora do almoço.





How many secrets can you keep?
Do I wanna know?.


Tristeza me inundou no momento em que o Dr, Waters ( meu ginecologista) me disse que meu exame havia dado negativo para gravidez, eu realmente havia achado que estava grávida, estava deixando a felicidade de ser mãe me inundar, mas agora eu me sentia quase perdida, e frágil, muito frágil, como se pudesse quebrar a qualquer momento. Graças a Deus eu tinha Sam, acho que fomos predestinados pelo Senhor, ele é tudo pra mim, sou muito ruim para lidar com as coisas que eu sinto, parece que meus sentimentos me consomem de uma vez, e o amor por Sam poderia me queimar e eu sabia disso, mas Deus sabe de todas as coisas certo?
Eu repetia isso para mim enquanto higienizava com álcool em gel e um guardanapo a mesa do Waffle's House que eu havia escolhida para almoçar com Sam, eu sabia que ele me observava com atenção desde o momento que saímos da sala do Dr. Waters e sabia que ele estava me observando agora. Eu o ignorei no começo, temia que se olhasse na direção dele eu começaria a chorar e não pararia mais. Só de pensar em encara-lo me dava um nó na garganta, parecia que eu estava prestes a sufocar.

A garçonete chegou e anotou nosso pedido e logo se foi, eu vi a mão de Sam se aproximando da minha aos poucos, incerto esperam que eu afastasse a minha para longe, toca-lo parecia uma boa ideia, ve-lo era outra história. Eu ainda não estava pronta para encarar a realidade, de que eu não estava grávida.
Sam segurou minha mão, fez movimentos circulares tranquilizadores com o polegar e então beijou as costas da minha mão e a aliança de casamento em meu dedo anelar. Suspirei e então engasguei.
Eu queria ir para casa, me enrolar na cama com uma bola e chorar. Mas eu tinha que ser forte. O senhor sabe de todas as coisas, vai acontecer, você vai ter muitos bebês. Eu continuava dizendo para mim mesma silenciosamente.
Mas eu não pude segurar as lagrimas, elas escorreram pelo meu rosto vagarosamente e caíram na mesa onde eu acabara de passar o álcool em gel. Respirei fundo e com a mão livre afastei as próximas lagrimas que ameaçavam cair. Sam trouxe suas mãos ao meu rosto e fez levantar a cabeça e olhar para ele, não pude deixar de notar que havia muitas coisas misturadas em seu rosto, dor, medo, pesar, alivio. Eu queria abraça-lo e me aninhar em seu colo.

- Deus sabe de todas as coisas -

Dissemos ao mesmo tempo, isso me fez sorrir, eramos muito parecidos em certas coisas, a fé absoluta no criador era uma delas. Meu marido me beijou na testa e então se afastou para me olhar melhor, parecia muito preocupado comigo, eu não queria que ele ficasse mas eu sabia que ele sempre ficaria, afinal ele é meu marido e ele vai querer me proteger, até de mim mesma.

- Eu queria tanto...

Comecei a dizer e então parei sabia que naquela altura não ter mais tanto controle para um lapso de chororó escandaloso, eu tinha que me acalmar.
Sam acenou com se entendesse e concordasse, embora estivesse preocupado ele parecia calmo demais, aquilo me confundiu, alguma parte de mim queria que ele ficasse tão mal quanto eu, mas isso era sem sentido então ignorei essa parte e a tranquei no fundo do meu consciente.

- Eu, achei que dessa vez...

Deixei minha voz morrer e então olhei para longe e pisquei em meio as lágrimas traiçoeiras que estavam começando a me irritar.Afastei novamente as lagrimas e então me voltei para Sam determinada.

- Vamos para casa, vamos tentar mais uma vez, vamos Sam.


Con x persona  ₪ Fecha & Lugar  ₪ Clima, temperatura  ₪ Dato extra

_________________




We found love right where we're







avatar
Heather Clarkson
Membros da Igreja
Membros da Igreja

Mensagens : 54
Data de inscrição : 11/07/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Do I wanna know?

Mensagem por Samuel Clarkson em Sab Out 12, 2013 7:17 pm


It's not the time, baby
Waffles House - Heather
Havia tirado aquele dia de folga para ele e Heather, iriam a tão esperada consulta com o ginecologista para que ele pudesse confirmar – ou não – a deseja gravidez da esposa. Ao que tudo indicava testes de farmácia não a satisfaziam.
 A notícia pareceu aliviar Samuel nos primeiros minutos, afinal ela não estava grávida e aquilo poderia lhe dar mais tempo para semear na cabeça de Heather a ideia de sair daquela cidade.
Dirigiu no carro semi novo deles até o Waffle’s House. Heather não estava em condições de cozinhar e ambos acharam conveniente comer fora naquele dia. A morena quieta, digerindo as informações que recebera do médico, deixando Samuel preocupado. Era verdade que não queria filhos, mas a amava e não gostava de forma alguma de vê-la daquele jeito.
Sentou-se à sua frente, observando-a limpar a mesa em mais um dos sintomas de seus TOC’s. A garçonete anotou rapidamente os pedidos e assim que se foi Samuel ,em um gesto do consolo e quase culpa, pega a mão de Heather, esperando que os olhos amendoados que ele tanta amava voltassem a olhar para ele em algum momento.
Sentiu o coração apertado ao ver as lágrimas de Heather, ela era tão frágil e sentia-se mal por não poder fazer nada por ajuda-la e mais ainda, por não desejar os bebês como ela queria. Segurou o rosto delicado da garota entre suas mãos, secando as suas lágrimas com o polegar, um gesto simples mas que mostrava que independente de qualquer coisa estava ali para apoiá-la.
Repetiram, ambos, o que parecia ser o mantra do casal e que arrancara um breve sorriso dos lábios de Heather. Samuel atravessou a mesa, sentando-se ao lado dela, os braços fortes a envolvendo em um abraço enquanto dava-lhe um delicado beijo na testa. Sabia o quanto ela estava mal por aquilo, o quanto desejava aqueles bebês.
Heather, meu amor , talvez não seja hora de termos bebês agora. Deus sabe o que faz. – ele disse, secando-lhe novamente as lágrimas.
Ouvira a proposta dela, dando-lhe um beijo rápido e carinhoso, colocando uma mecha do cabelo castanho atrás da orelha dela, olhando-a nos olhos.
–Acabamos de voltar da consulta, dê um tempo para o seu corpo. Quem sabe poderemos tentar novamente em seu próximo período fértil. – ele disse, tendo um breve vislumbre de Nova York , como se aquilo pudesse motivá-lo. - Tenho algumas férias atrasadas, podemos sair para viajar, conhecer novos lugares e quanto menos esperar você estará grávida.Não prefere que as coisas sejam assim? – ele dizia,amoroso e paciente, um pouco temeroso de sua resposta.

avatar
Samuel Clarkson

Mensagens : 4
Data de inscrição : 01/10/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Do I wanna know?

Mensagem por Heather Clarkson em Sab Out 12, 2013 7:50 pm




How many secrets can you keep?
Do I wanna know?.


Samuel era a minha alma gêmea, isso ninguém podia negar.
Ver o quanto ele estava preocupado comigo disparou um sinal de alerta dentro da minha cabeça, todos sabiam que eu era uma garota cheia de manias e neuras, e meu médico sabia que eu também tinha um segundo problema, uma grande possibilidade de ter depressão. Minha mãe tinha, por motivo algum, começou quando eu deu a luz a mim, ela achava que não era capaz de cuidar de um bebê e acabou desenvolvendo vários transtornos, eu sabia que poderia estar a beira de um colapso. E ver toda aquela preocupação nos olhos do meu marido me alertou que eu devia ser forte.

Sorri com a oferta e senti uma faísca de esperança me invadir, talvez uma possível segunda lua de mel, no fim da viagem eu poderia estar grávida.

Selei nossos lábios me sentindo um pouquinho melhor e já aceitando qualquer que fosse o lugar que ele queria me levar, enquanto eu estivesse com ele para mim estava perfeito.

- Uma segunda lua de mel? Querido isso seria... maravilhoso!
Expectativa e entusiasmo transbordando em minha voz. Sam parecia menos preocupado agora e um pouco animado também. Talvez fossemos para Niagra Falls, talvez para California, New Orleans, sonhar com Veneza seria demais? Qual é, eu sou uma garota de Alabama, que garota do interior nunca sonhou ir para a Europa?

- Então? Onde você quer me levar?



Con x persona  ₪ Fecha & Lugar  ₪ Clima, temperatura  ₪ Dato extra

_________________




We found love right where we're







avatar
Heather Clarkson
Membros da Igreja
Membros da Igreja

Mensagens : 54
Data de inscrição : 11/07/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Do I wanna know?

Mensagem por Samuel Clarkson em Sab Out 12, 2013 8:55 pm


It's not the time, baby
Waffles House - Heather

Sorriu ao ouvir a empolgação de Heather referente à sua proposta.Beijou-lhe novamente, dessa vez um beijo mais demorado, mas ainda carinhoso.
Acariciou-lhe a bochecha, levantando por breves instantes os olhos para a garçonete que trazia-lhes os pedidos.Para ele um hambúrguer e uma coca, acompanhado de algumas batatas fritas, nada saudável mas um dia só não o engordaria.
  Sorriu ao ouvir a pergunta de Heather, já imaginava o que se passava pela sua cabecinha romântica. A conhecia o suficiente para prever algumas coisas.
 Tirou com delicadeza o braço que a envolvia para que pudesse servir um pouco da coca, alcançando-lhe o suco de laranja.
-Quem sabe, Nova York? Sempre tive curiosidade de conhecer.- ele disse, olhando-a enquanto esperava sua reação.-Oferecem até um curso para meu trabalho lá...-ele disse,  como se fosse apenas uma curiosidade e não seu sonho.
 Tomou um gole da bebida escura, tentando conter o leve nervosismo que o tomava ao tocar naquele assunto.Logo em seguida veio a salada de sua sempre saudável Heather. Sorriu comendo algumas batatas fritas, um tanto aliviado já que sua esposa parecia bem melhor.

avatar
Samuel Clarkson

Mensagens : 4
Data de inscrição : 01/10/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Do I wanna know?

Mensagem por Heather Clarkson em Qua Out 16, 2013 3:19 pm




How many secrets can you keep?
Do I wanna know?.


Apesar de estar aflita com a situação agora estava até animada com a idéia de Sam, eu podia nos ver andando de um lado pro outro em NEW YORK!
Ok, não era melhor que a Itália, nem tão romântica, mas eu conhecia meu marido e podia ver a expectativa em seus olhos e em sua voz. Ele queria ir para lá.
Tudo bem, vamos para New York, não posso dizer que eu cedi fácil e concordei logo de cara com a ideia, enquanto eu deliberava fui me organizando mentalmente, eu tinha que deixar meus bebês com alguém durante a viagem, Clark Kent, King K, e Queen B meus gatos. Eu também tinha que deixar avisado na igreja e na ONG e tinha que dar uma olhada nos perecíveis da dispensa lá em casa, não quero voltar de viagem e encontrar ratos e pestes fazendo festa na minha casa. É claro que tinha que fazer pesquisas, reservar passagens, hotel e reservar entradas para os shows da Broadway.

Comi meu almoço em silencio, apreciando a salada de folhas e brotos e a limonada siciliana que havia pedido. Sam já havia terminado de comer há tempos e ele me olhava apreensivo enquanto eu mastigava a ultima porção de salada. Eu o encarei de volta, apreciando todas as feições perfeitas do meu marido, a espetacular iris cor de amêndoa de seus olhos, o lugar onde as covinhas de garotinho apareciam em suas bochechas quando ele sorria. Suspirei encantada, afinal quando é que ele vai parar de ter esse efeito em mim? Eu adoro a forma como ele olha pra mim, faz parecer como da primeira vez e me faz sentir ter 16 novamente, me faz feliz.

- Ok, New York.


Sorri, e senti que eu podia seguir em frente enquanto eu tivesse ele.


Con x persona  ₪ Fecha & Lugar  ₪ Clima, temperatura  ₪ Dato extra

_________________




We found love right where we're







avatar
Heather Clarkson
Membros da Igreja
Membros da Igreja

Mensagens : 54
Data de inscrição : 11/07/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Do I wanna know?

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum