Eufaula , uma pequena cidade no interior do Alabama, uma população de um pouco mais de 13 mil habitantes. Como em todas as cidades pequenas as fofocas sobre todos correm soltas em Eufaula, existe um rol de mal- falados na cidade que vivem sobre intrigas dos vizinhos que desaprovam cada atitude destes. Em um lugar onde todos se conhecem não se é permitido cometer grandes deslizes, afinal ninguém gosta de estar na boca do povo, correto?
Lexie
Admin
Perfil [#] MP
Julliet
Narrador
Perfil [#] MP
o fórum está oficialmente aberto!Divirtam-se, podem começar suas postagens e aguardem as surpresas que Eufaula trará para seus cidadãos.
Sweet Home Alabam by Jullietkingsley on Grooveshark
:: Topsites Zonkos - [Zks] :: Golden AfternoonRPG Jogos Vorazes
Para parcerias contate a staff e adicione nosso bottom ao seu fórum.
Código:
<a href="http://sweethomealabama.forumeiros.com/" target="_blank" alt="Sweet Home Alabama"><img src="http://i.imgur.com/GuIwh9a.gif" /></a>
A skin é propiedade de Sweet Dandelion, que o disponibilizou para o fórum. Tramas e cannons criados por Lexiel Lidel e Julliet Mitchel. Todos os direitos reservados. O Plágio é crime previsto no Código Penal Brasileiro e sujeito a prisão ou multa.

{'Cause I'm Mr Brightside }

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

{'Cause I'm Mr Brightside }

Mensagem por Brandon Marshall em Dom Out 06, 2013 11:13 pm

dados da RP


Participantes: Brandon Marshall e Nymeria Stark.
Clima: Fechado, temperatura ambiente.
Dia 14 de fevereiro de 2013

_________________







But we can do something better
avatar
Brandon Marshall

Mensagens : 28
Data de inscrição : 01/10/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: {'Cause I'm Mr Brightside }

Mensagem por Nymeria Stark em Dom Out 06, 2013 11:37 pm


Choking on your alibis


14.02 Θ 20:12 Θ bar/restaurante Θ Bran <3
Analisei o cardápio pela décima vez, procurando qualquer coisa, menos comida. Não queria encarar Brandon, não depois daquele número de celular em seu bolso mais cedo. Não sabia nem o porquê de ter aceitado jantar com ele depois daquilo. Talvez fossem meus esforços para manter o namoro, apesar de tudo, mas não sabia se aguentaria por muito mais tempo. Não que eu seja insegura ou ciumenta – quem sabe um pouco, não vou mentir –, mas evidências são evidências, ainda que você negue pra si mesmo o que está vendo. Brandon é o namorado perfeito, o verdadeiro príncipe encantado, tanto que até hoje não sei porque ele se interessou por mim, mas isso tem suas desvantagens. Aguentar outras garotas dando em cima dele é algo que está além das minhas capacidades. E que não me venham com “desculpinhas” de que ele é uma autoridade local, porque isso não cola mais. Afinal, ele não estava em horário de trabalho quando saíamos para jantar, o que não impedia que garçonetes sorridentes viessem esfregar o decote em seu rosto, me ignorando completamente.

Bufei, sentindo meu rosto esquentar de raiva. - Acho que uma pizza está ótimo - disse para a garçonete atrevida, tentando chamar sua atenção. Nem fome eu tinha, mas contanto que me livrasse daquela lá eu poderia comer qualquer porcaria do cardápio. Ela se afastou assim que anotou o pedido, e eu imediatamente encarei Bran. - Então, Brandon... Prefere começar a se desculpar agora ou depois de jantarmos? Ele trazia um olhar de infelicidade no rosto, como se dissesse "De novo, isso?". Claro, e quantas vezes mais fosse preciso. Havia tempos que os telefones, cartas de amor e afins vinham interferindo em nosso relacionamento. Bran sempre tentava explicar a situação, mas eu estava cansando daquilo. A incerteza sempre prevalecia, rondando meus pensamentos e insistindo naquela velha pergunta: "será?"

Eu odiava brigar com Brandon, ainda que nossos desentendimentos não durassem muitos dias. Seu carinho era superior à minha raiva, o que fazia com que eu não resistisse. Mas eu não podia me mostrar confortável com a situação, porque era óbvio que eu não estava. Às vezes me pegava questionando se não seria mais fácil jogar tudo pro alto, invés de lutar contra a correnteza.
Credits to Rapture


_________________



Just give me a reason

Just a little bit's enough
Just a second we're not broken just bent
And we can learn to love again
It's in the stars
It's been written in the scars on our hearts
We're not broken just bent
And we can learn to love again
avatar
Nymeria Stark
Universitários
Universitários

Mensagens : 41
Data de inscrição : 04/09/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: {'Cause I'm Mr Brightside }

Mensagem por Brandon Marshall em Ter Out 08, 2013 11:04 pm




I COULD GAVE UP THEN BUT
Brandon sabia que estava em uma situação péssima, para ser modesto. Ele não sabia o que tinha de tão especial nele, seria assim tão bonito? Ou a ideia dele ser policial excitava as mulheres da cidade? Ou era por seu cabelo ser definitivamente bem arrumado?

Não fazia sentido, toda semana aparecia um numero em sua mesa, carteira, no carro, no armário onde guardava sua roupas e o pior: as ligações de emergência. Existiam as senhoras da cidade, maioria frequentavam a igreja e ainda sim, ligavam para Brandon pedindo algum tipo de ajuda absurda, se não fosse tão assustador ele diria que era engraçado. Mas, só era quando Nymeria não sabia disso, então ele jogava fora todos os bilhetes que recebia, e apenas ignorava as mulheres que pareciam sempre ir atrás dele, afinal, ele só tinha olhos para uma.

Nymeria folheava o cardápio, com a testa franzida e os lábios apertados, era uma visão e tanto para Brandon, mesmo estando brava ela era linda, será que ele não entendia que ele nunca a trocaria por ninguém?

Encostou-se na sua cadeira e olhou para a loira, ela havia encontrado um. Brandon não podia fazer nada além de dizer a verdade, certo? Não sabia se esconder isso seria melhor, talvez por algum tempo, mas se ela descobrisse, e soubesse que ele estava escondendo. Bem... Nymeria sabia ser má quando queria.  Iria lidar com essa situação da melhor forma possível, para então poder ficar com sua noiva e aproveitar aquelas poucas horas em paz e sem trabalho. Você pensa que por não existir um grande índice de criminalidade na cidade um policial vivia vagabundando pela cidade em busca de rosquinhas? Não, apesar de gostar muito de doces, ele vivia cheio de tarefas e chateações burocráticas, ocorrências idiotas, ligações e etc. Ele estava cansado, psicologicamente desgastado, mas ele poderia lidar com isso, contanto que Nymeria estivesse com ele.

- Você sabe que eu não fiz nada de errado Nymeria. – Começou, recebendo um olhar afiado da loira a sua frente, que cruzou os braços e esperou ele falar. Brandon apertou o maxilar e escolheu bem as próximas palavras. – Eu não tenho nada para me desculpar! Tudo bem, eu sei que você está brava, mas por favor querida, eu não sei de quem é esse bilhete. Ou muito menos quem o colocou, eu ia joga-lo fora e ignorar, não tem motivo parra você se preocupar com isso, você sabe que é cem vezes mais bonita, inteligente e encantadora  do que qualquer outra mulher da cidade. – Pegou em sua mão, tentando faze-la olhar em seus olhos. – Se desculpas é o que você quer, eu peço, quantas vezes você quiser.

- Me desculpe, eu realmente não quero que você fique zangada comigo. – Disse se inclinando para frente, para encarar aquele rosto delicado e seus lindos pares de olhos azuis. - Então por favor, pare de me olhar como se fosse me matar a qualquer momento.

Era um tanto assustador, não sabia o que sua noiva faria, esperava que o perdoasse e que eles continuassem a noite sem mais problemas, esperava. Viu a garçonete voltar com as bebidas, sorrindo abertamente, Brandon fez uma careta e a ignorou completamente, como sempre fazia em todas as ocasiões, mesmo percebendo ou não, ele só tinha olhos para a loira a sua frente, ele precisaria repetir isso quantas vezes? Nymeria era tão teimosa que Bran chegava a ter um ataque nervoso.

- Então? Estamos bem? – Disse depois que a moça saiu. Ergueu uma sobrancelha. – Podemos continuar se você quiser, posso fazer uma lista de motivos para você não se irritar com essa situação, muito menos se preocupar. Aposto que você adoraria me ver em uma situação dessas. – Deu um meio sorriso, tentando faze-la sorrir também.
I'VE TRAVELED ALL THIS WAY FOR SOMETHING




Última edição por Brandon Marshall em Ter Dez 03, 2013 7:17 pm, editado 1 vez(es)

_________________







But we can do something better
avatar
Brandon Marshall

Mensagens : 28
Data de inscrição : 01/10/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: {'Cause I'm Mr Brightside }

Mensagem por Nymeria Stark em Qua Out 09, 2013 4:18 pm


Choking on your alibis


14.02 Θ 22:48 Θ bar/restaurante Θ Bran; Georgie <3
“Você sabe que eu não fiz nada de errado Nymeria.”, ele disse, daquela forma doce, mas eu não amoleci tão facilmente. Sabia que ele não havia feito nada de errado, mas ainda assim, ele não fazia nada em relação à situação em geral, e era isso que mais me irritava. Nem o fato de estarmos noivos parava os telefonemas; eu duvidava que até mesmo o casamento fosse capaz. Por falar em casamento, quando Brandon fez o pedido pensei que pela primeira vez estava realmente feliz em minha vida toda. Eu sentia que alguém me amava de verdade, não por obrigação, mas porque eu era especial. Não fosse o medo de perdê-lo, estaríamos caminhando para uma vida longa e feliz juntos. Formaríamos uma família e teríamos lindos filhos; o que mais eu poderia desejar, vivendo em uma cidade como Eufala?

Brandon se desculpou da maneira que pôde, e eu sabia que ele não estava fingindo. Sabia que era sério quando ele falava de mim daquela forma, dava pra ver que ele me adorava. E eu o adorava, ainda que não demonstrasse com tamanha convicção. “– Se desculpas é o que você quer, eu peço, quantas vezes você quiser”, ele disse, pegando em uma de minhas mãos e apertando levemente. Seus olhos claros imploravam meu entendimento. Ele não me trairia nunca, simples assim. Mas não tão simples de entender com tantas mulheres mais bonitas interessadas no fim do nosso relacionamento. Quando ele sugeriu que meu olhar era o de quem estava prestes a matar eu tive de rir, não sabia que era capaz de ser tão intimidadora. – Tudo bem, Bran – falei baixo. – Acho que estou exagerando.

A garçonete apareceu com a pizza neste momento, seu sorriso tão aberto quanto antes. Mas fiquei feliz dessa vez, porque Brandon nem sequer olhou em sua direção. – Obrigada – falei, por educação, e assim ela nos deixou novamente. – Estamos bem, sim. Crise superada. – Ri, encarando aqueles olhos verdes – E você não precisa fazer isso, apesar de que seria engraçado você tentando provar que eu sou a pessoa mais interessante do mundo quando eu não sou. Enlacei meus dedos com os dele, estudando seu sorriso. Eu gostava de ficar com Brandon, nem que fosse pra ficar em silêncio. Ele me entendia mais do que Georgina, que por ser mais jovem vivia com a cabeça no mundo da lua. Estar com Brandon era fácil, como respirar.

- Hm, espero que a pizza valha a pena. – falei, me voltando para o prato e soltando sua mão. Comemos a maior parte, fazendo um comentário ou outro, rindo de coisas sem graça e observando as outras pessoas no bar. O lugar não estava muito cheio, e eu estava imensamente grata por isso. Qualquer coisa era motivo de fofoca naquela cidade, até mesmo um jantar à dois. Eu podia imaginar o tipo de comentário que seria tecido sobre nós; se não tivessem visto nossa breve discussão, decerto diriam que minha próxima parada seria a cama dele. As velhas de Eufala, em sua maioria ovelhas do pastor Tudor, adoravam falar mal das donzelas já não tão donzelas de Eufala. Não que eu me importasse; na verdade, duvidava que qualquer uma delas tivesse se casado virgem, ainda que Tudor proibisse terminantemente o sexo antes do casamento, isso era sabido por todos.

Após o jantar, Brandon chamou a garçonete assanhadinha para pedir a conta. Já eram quase onze da noite, o que fez com que eu me preocupasse sobre onde estaria Georgie. Ela havia ido em mais um daqueles shows da banda tosca dos meus ex-colegas de escola, e os adorava como se eles fossem os novos Beatles. Só não barrei a saída porque eu queria sair com Brandon. Sorte dela. Mas já não era hora de criança estar na rua. – Acho que vou ligar para Georgina. – avisei Bran, saindo para fora do bar. A chamada caiu na caixa postal, depois de chamar muitas e muitas vezes. Ela estaria definitivamente encrencada se não me ligasse em cinco minutos.
Credits to Rapture


_________________



Just give me a reason

Just a little bit's enough
Just a second we're not broken just bent
And we can learn to love again
It's in the stars
It's been written in the scars on our hearts
We're not broken just bent
And we can learn to love again
avatar
Nymeria Stark
Universitários
Universitários

Mensagens : 41
Data de inscrição : 04/09/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: {'Cause I'm Mr Brightside }

Mensagem por Brandon Marshall em Ter Dez 03, 2013 7:16 pm




I COULD GAVE UP THEN BUT
A ideia de ver Nymeria irritada era uma coisa que Brandon sempre evitava, principalmente quando era ele o irritado. Então fez o máximo para agrada-la, mimando, fazendo comentários engraçados sobre as pessoas que apareciam no restaurante, isso parecia a distrair, então a deixava longe de suas preocupações desnecessárias.

Como se tomar conta de uma mulher como Stark já não fosse trabalho o suficiente, ela vivia dizendo que era Brandon quem atraia as pessoas, mas não era ele quem se parecia com uma modelo da Victoria’s Secrets, então quem devia se preocupar ali era ele, e não, não queremos mais problemas aqui.

Pagou a conta e seguiu Nymeria, que resolveu ligar para Georgina, a sua irmãzinha, honestamente ele também não entendia o amor todo que ela tinha pela banda dos caras da cidade, eles faziam um som legal, e até já foi em um dos shows no começo da banda junto de alguns amigos, mas até então... Nada demais, ele achava que com a garota só podia significar uma coisa: PROBLEMAS.

Sabia que ela gostava do Morrisson, e sabia também que isso era uma coisa estupida. Afinal, ele conhecia o cara de tanto que ele vivia na prisão, chegava a ser engraçado a companhia quase semanal de Michael, mas não é o tipo de pessoa que ele gostaria de ver sua cunhada namorando, mas ao contrario de Nymeria, não via tudo isso como o fim do mundo.

- Vamos Nymeria, eu aposto que ela deve estar enchendo a cara com as amiguinhas dela. – Disse passando o braço no ombro da loira, que fez uma careta horrorizada. – É claro que eu estou brincando, relaxe, Georgie não faria nada demais, se ela já não estiver dormindo na cama dela ela deve estar na casa de uma das meninas que ela vive grudada. – Beijou o topo da cabeça de sua noiva. Abriu a porta do carro para ela e entrou, sorriu presunçosamente para ela.

Tenho uma ideia para mudar essa sua cara de brava. – Nymeria revirou os olhos mas sorriu, sabendo exatamente do que ele dizia, se aproximou do rosto dela e a beijou, enrolando os dedos em seus cabelos macios e a trazendo mais para si, não podia falar que não a queria, ali mesmo, para dar um bom e velho amassos, como no colegial, onde ele ficava no banco de trás de seu antigo carro. Antigo, pois a única garota que entrou nesse carro foi Nymeria, e seria apenas ela.

Separou por um tempo de seus lábios, olhando nos olhos azuis da loira. – Deus, o que vão pensar de nós dois? – Disse irônico, referindo-se as fofoqueiras da cidade, que a esse horário nem deveriam estar fora de suas casas.
Vamos embora daqui? Ou prefere relembrar a época em que nos conhecemos? – Riu, passando os dedos nos ombros de Nymeria, quem visse, nunca falaria que ele era um policial serio e de bom comportamento, pois a única coisa que ele estava planejando era não ter um bom comportamento.
I'VE TRAVELED ALL THIS WAY FOR SOMETHING



_________________







But we can do something better
avatar
Brandon Marshall

Mensagens : 28
Data de inscrição : 01/10/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: {'Cause I'm Mr Brightside }

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum